Ninguém nasce líder. Essa é uma conclusão que teóricos chegaram depois de décadas estudando a liderança. Liderar pessoas é uma habilidade que pode ser aprendida. Entre essas habilidades, há uma que todo líder precisa desenvolver, que é: saber delegar tarefas. Um gestor que não delega tarefas, ou que delega de maneira equivocada, já está desempenhando seu papel de maneira errada, comprometendo toda sua performance.

Estatísticas revelam que a maioria dos gestores não é líder. Muitos acreditam em mitos sobre a liderança e baseiam sua atuação em verdades sem valor na dinâmica organizacional. Embora se insista em dizer que agir como um “chefe” não é produtivo, nem ético, ainda existe nas empresas a lógica do “manda quem pode, obedece quem tem juízo”.

Portanto, vamos provar a importância de saber delegar tarefas, tanto para os colaboradores quanto para a empresa em si. Veja só!

O líder deve saber delegar tarefas porque…

Primeiramente, é preciso reconhecer que o estilo de liderança deve refletir em ações duradouras, pois, numa empresa, o tempo que se passa junto e a quantidade de tarefas desempenhadas são bem significativos. Logo, não adianta funcionar vez ou outra, a relação entre líder e equipe é construída em cima de frequência e continuidade.

1º Ele não irá fazer tudo sozinho

Esse ponto é óbvio, porém necessário de ser lembrado, pois muita gente acredita de verdade que dá conta de tudo sozinho ou que sabe fazer o trabalho melhor do que ninguém. Mas o seu dia tem 24 horas como todo mundo e você tem que ter o cuidado de não se tornar o gargalo de crescimento da sua empresa. Portanto, o primeiro ponto é: reconhecer que precisa da sua equipe e do sucesso da mesma.

2º O sucesso da equipe é o sucesso de um líder

O que é ser um líder de sucesso? Não é ser capaz de gerir pessoas de maneira eficiente, trazendo excelentes resultados através delas e, também, para elas mesmas? Sendo assim, delegar tarefas é apostar nas pessoas e desenvolver potenciais. Nenhum líder realmente tem sucesso tendo uma equipe medíocre.

3º Descentralizar é vital para um negócio

A centralização é uma prática muito ruim para as empresas, pois ela não gera movimento, estagnando processos e prejudicando os resultados. Um líder que descentraliza abre espaço para inovação, criatividade e enriquece o capital intelectual da empresa. Concentrar tudo em um só nível coloca em jogo até a sobrevivência de um negócio.

É preciso delegar para as pessoas certas

Para que a delegação ocorra da maneira esperada, ela precisa ser feita também seguindo requisitos mínimos de qualidade. Nesse sentido, é preciso saber pra quem se deve delegar tarefas, observando os seguintes aspectos:

  • Capacidade técnica – sem isso, se torna impossível realizar uma tarefa. Uma pessoa que não fala inglês, por exemplo, não pode ficar responsável por negociar com clientes estrangeiros,
  • Espírito de grupo – a capacidade de trabalhar em grupo e não reter informações para benefício próprio apenas é uma característica que deve ser buscada por líderes.
  • Motivação –  uma reflexão básica antes de delegar é “o colaborador tem a atitude correta para fazer isso?”. Quem ignora esse ponto pode perder a oportunidade de delegar a tarefa para a pessoa certa, que está de fato motivada para aquela função.

Uma frase do grande líder Nelson Mandela expressa de forma singular o papel de um líder, falando sobre a necessidade de dar espaço para as pessoas se desenvolverem e, ao mesmo tempo, ajudá-las quando diante de obstáculos. Ele diz:

“É melhor liderar a partir da retaguarda e colocar outros à frente, especialmente quando estamos a celebrar uma vitória por algo muito bom que aconteceu. Mas deves tomar a linha de frente quando há perigo. Desta forma, as pessoas irão apreciar tua liderança.”

Gostou de saber sobre essas dicas de liderança? Compartilhe esse conteúdo na sua página e multiplique esse conhecimento com seus amigos!

Celio Melim Jr.
Coach de Negócios
ActionCOACH SC
(47) 3028-1806 / (48) 8405-1800
www.actionworks.com.br