Com certeza, por inúmeras vezes, você empresário e gestor já tenha se perguntado sobre a voracidade do tempo, das dificuldades de usarmos o tempo em nosso favor, de produzir mais com o que temos.

Muitas vezes já se deparou com a hipótese de que o dia não tem mais 24 horas de duração, que a hora não tem mais 60 minutos, que o ponteiro do relógio voa em vez de andar. Tal é a fugacidade do tempo. E assim o tempo passa e a produtividade fica aquém do esperado.

Então vem o questionamento, a dúvida, será que uso o meu tempo de maneira adequada, eu sei tirar o máximo de proveito de todo o tempo que tenho disponível?

Estou perfeitamente ciente que tem muitas situações provocadas por mim mesmo, algumas que aparecem em formas de distração, outras por descuido, inúmeras por maus hábitos, sem contar da falta de planejamento. Condições que afetam a minha produtividade e fazendo com que não consiga terminar todas as tarefas na sua programação e de maneira satisfatória.

O X da questão é esse: como que está o uso do meu tempo e como posso eliminar os seus desperdiçadores?

Vejamos algumas maneiras de ganhar tempo e aumentar a minha produtividade e da minha equipe:

Internet e telefones: são ferramentas essenciais para o meu trabalho. O seu uso deve ser moderado, com muito critério. Priorizar as mensagens de e-mails, WhatsApp, MSN e outros aplicativos que se usa, separar por importância e definir um horário para as respostas. Silenciar os grupos de bate-papo (amigos, família, organizações…) e interagir em momentos de folga, como a noite ou final de semana. Na internet navegar somente em sites relacionados ao trabalho, nada de sites de esportes, jogos online, de compras;

Lista de atividades: antes de começar as atividades do dia, devo ter uma lista de tarefas em mãos, identificar por importância, por tempo de execução e retorno de resultados. Ver a programação de produção, de vendas ou de serviços, reunir com a equipe traçar as metas do dia e dar início ao trabalho. O foco deve estar sempre nas tarefas que são mais importantes, evite ser múltiplo nas tarefas, não queira fazer mil coisas ao mesmo tempo;

Delegar tarefas: quando a mesa está coberta de papéis, quando olho ao meu redor e vejo muitas tarefas sufocando e sem uma ação definida, quando o stress de acumulo de atividades está pegando, eu acredito que seja o momento de tomar uma das decisões mais difíceis de um gestor, a hora de passar as tarefas para outra pessoa. O momento de delegar as funções é a hora da verdade para todos, quem recebe a tarefa saber responder a altura na execução dela e de quem a delega é acreditar que o outro consiga fazer como se fosse sua a tarefa. Devo ter ciência que o momento de delegar acontece quando o colaborador está preparado para tal tarefa e esse é o compromisso de um líder, criar pessoas para a liderança;

Não existe uma fórmula mágica de conquistar mais tempo e aumentar a produtividade, sem que eu passe por uma transformação. Essa mudança, se existe fórmula mágica, é algo que definimos como organização, planejamento.

Conte comigo!

André Winkelmann

Mentor Empresarial, Consultor e Business Coach  

ActionCOACH Paraná  (45) 99971-4872 / 3029-4778